• SIA Trecho 3 lote 625/695
    Edifício SIA Empresarial - Bloco "A" Sala 220

  • (61)3233-1033
    embre@embre.com.br

São estacas moldadas in loco, por meio da concretagem de um furo executado por trado espiral, sendo empregadas onde o perfil do subsolo tem características tais que o furo se mantenha estável sem necessidade de revestimento ou de fluido estabilizante. A profundidade é limitada ao nível do lençol freático.

Perfuração

A perfuração é feita com trado curto acoplado a uma haste até a profundidade especificada em projeto, devendo-se confirmar as características do solo através da comparação com a sondagem mais próxima.
Quando especificado em projeto, o fundo da perfuração deve ser apiloado com soquete.

Concretagem

A concretagem deve ser feita através de um funil que tenha comprimento mínimo de 1.5 m . A finalidade deste funil é orientar o fluxo de concreto.
Colocação da armadura 

No caso das estacas não sujeitas a tração ou a flexão, a armadura é apenas de arranque sem função estrutural e as barras de aço podem ser posicionadas no concreto, uma a uma, sem estribos, imediatamente após a concretagem, deixando-se para fora a espera (arranque) prevista em projeto.

Quando não especificado em projeto, deve ser utilizada uma armadura mínima constituída de barras de aço CA-50 A com 2,0 m de comprimento total.

No caso de estacas submetidas a esforços de tração, horizontais ou momentos, a armadura projetada deve ser colocada no furo antes da concretagem.

Seqüência executiva

Não se deve executar estacas com espaçamento inferior a 5 diâmetros em intervalo inferior a 12 horas.

Esta distância refere-se à estaca de maior diâmetro.

Pelo menos 1% das estacas, e no mínimo uma por obra, deverá ser exposta abaixo da cota de arrasamento e, se possível, até o nível d'água, para verificação da sua integridade e qualidade do fuste.

Concreto

A dosagem do concreto deve ser tal que se obtenha resistência característica a compressão de pelo menos 20 MPa, devendo ter um consumo mínimo de cimento de 300 kg/m3, segundo ABNT NBR 8953;

deve apresentar um abatimento mínimo de 8 cm para estacas não armadas e de 12 cm para estacas armadas, segundo ABNT NBR 7223.

Os corpos-de- prova de concreto devem ser moldados de acordo com a ABNT NBR 5738 e ensaiados de acordo com a ABNT NBR 5739.